Atalho do Facebook

Bacalhau com natas

>> quinta-feira, 19 de agosto de 2010



Sempre que vou a São Paulo compro uma boa quantidade de bacalhau no Mercadão, dessalgo e congelo.
Se resolvo preparar algum prato tenho bacalhau dessalgado em 1 hora, que é o tempo que ele demora para descongelar.
Essa receita de bacalhau com natas sempre agrada a turma aqui de casa e é uma ótima opção para servir para visitas. Nesse caso eu coloco em ramequins e sirvo porções individuais, que fica mais bonitinho e mais prático.
Já fiz essa receita de várias formas...mas essa aqui é uma mistura das receitas de dois amigos: Celinha e Moisés.
A receita rendeu 14 ramequins médios.

Ingredientes:

5 batatas grandes em cubinhos
1 k de bacalhau em lascas, sem espinhas e pele (*)
1 litro de leite
200 ml de creme de leite fresco
2 cebolas grandes em meia-lua bem fininhas
4 dentes de alho bem picados
azeite a gosto
2 colheres, das de sopa, de manteiga
2 colheres, das de sopa, bem cheias de farinha de trigo
sal e pimenta a gosto
noz moscada a gosto
3 colheres, das de sopa, de parmesão ralado
(*) Você pode usar o bacalhau comprado já desfiado.

As batatas:
Cozinhe as batatas em água até ficarem ao dente.
Na receita original as batatas são fritas em azeite ou óleo. Eu faço cozida para ficar mais light e eu poder comer mais...hehehehe
Mas você pode fritar, sem deixar dourar.

O bacalhau:
Coloque uma panela grande no fogo com o leite e o bacalhau e espere o leite ferver. Escorra o bacalhau, reserve o leite e solte lascas do bacalhau. Reserve o bacalhau.
Aqueça uma frigideira com o azeite e acrescente os alhos e as cebolas. Refogue a cebola até ela ficar transparente e acrescente o bacalhau desfiado. Refogue bem, tempere com pimenta e corrija o sal. Reserve.

Para o bechamel:
Aqueça uma caçarola com a manteiga e junte a farinha de trigo. Mexa bem e acrescente o leite, aos poucos. Continue mexendo, com um fouet (batedor de arame) até o leite engrossar. Junte o creme de leite e acerte o sal (o leite já deve estar levemente salgado por causa do bacalhau), tempere com noz moscada e reserve.

Montagem do prato:
Eu prefiro servir em ramequins individuais mas você pode montar em um refratário médio.
Forre o fundo do refratário com as batatas, coloque o bacalhau com as cebolas e cubra com o bechamel. Polvilhe o queijo ralado e leve ao forno para gratinar.
Decore com azeitonas pretas e sirva com uma bela salada de folhas.

Eu confesso que esqueci de colocar o queijo por cima...hehehehe
Só percebi quando tirei do forno e percebi que o bacalhau não estava douradinho. Mas ficou muito bom!!!

5 comentários:

Sandra 20 de ago de 2010 21:18:00  

Kris querida...que receita deliciosa!!!
Tbém acho que no ramequins fica perfeito.
Eu não recebi seu email...snif
sandra_sqp@hotmail.com

Bjjs na alma

Anônimo,  13 de abr de 2011 13:37:00  

Olá Kris, estava procurando na net uma receita de "Bacalhau com Natas"... encontrei a sua, vou fazer. Estive em Portugal e comi muito bacalhau, a minha filha de 15 anos é muito difícil de comer e o bacalhau com natas de Portugal ela gostou. Foi uma boa idéia de cozinhar as batatas, tb prefiro cozidas.
Amei seu blog, abraços, Clevenir

clevenir@terra.com.br

Rita Queiroz,  21 de out de 2011 19:31:00  

Eu fiz!!! Maravilhoso.
Bjo Rita

Bia,  12 de nov de 2011 06:34:00  

Oi Kris, morei 16 anos em Portugal e devo te dizer que a tua receita chega bem perto da original... numa coisa tens razão, não há nada melhor que um bom prato de bacalhau!!! bjs

Juliana 17 de jun de 2012 16:12:00  

Kris, fiz teu bacalhau com natas e ficou nota 10! Acabei de postar lá no blog, beijos!

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Back to TOP